Como a Eccaplan contribui para a COP 26

Certeza de Lucratividade para os Negócios Sustentáveis

Desde a adoção do Acordo de Paris, governos de todo o mundo têm sinalizado um compromisso cada vez maior com a descarbonização. Um total de 12 países agora têm uma meta emissão zero na lei, mostram dados do grupo de consultoria sem fins lucrativos Energy and Climate Intelligence Unit (ECIU). 

Um levantamento do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, PNUMA, mostra que a produção global de combustíveis fósseis está, de forma muito perigosa, fora de sincronia com as metas estipuladas no Acordo de Paris. 

Em relatório da ONU,  Apesar do Brasil país ter oficialmente a meta de reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 43% até 2030, o Pnuma revela que o governo “encoraja novos investimentos” e planeja aumentar a produção nacional de combustíveis fósseis. 

Apesar das ambições demonstradas pelos governos, e por compromissos com emissões zero de carbono, os países preveem produzir, até 2030, petróleo, gás natural e carvão em um volume que é mais do que o dobro do ideal para limitar o aumento da temperatura global a 1,5° Celsius (ONU, Clima e Meio Ambiente, 2021).

Os mercados de carbono e a COP26

Comerciantes de carbono e governos de países em desenvolvimento estão olhando para as negociações climáticas da COP26 para uma resolução sobre o Artigo 6 – a cláusula do Acordo de Paris que rege o comércio de emissões entre países. Tal comércio, alguns argumentam, poderia permitir cortes de emissões mais profundos, cortar drasticamente o custo da transição para o baixo carbono e ajudar a financiar o fluxo para o Sul Global. Outros pedem cautela, defendendo um regime de contabilidade estanque que garanta sua integridade ambiental, mas que os comerciantes temem que congele as atividades

Um estudo, da International Emissions Trading Association (IETA) e da Universidade de Maryland, estima que o Artigo 6 poderia reduzir o custo de cumprimento das metas de mitigação do Acordo de Paris em mais da metade, ou cerca de US $ 250 bilhões por ano, até 2030.

Acelerar as ações de proteção e restauração de florestas e outros ecossistemas críticos, e ajudando o mundo a avançar em direção à agricultura sustentável e ao uso da terra. 

03 objetivos da COP26

  • Acelerar a transição do carvão para energia limpa
  • Proteger e restaurar a natureza em benefício das pessoas e do clima
  • Acelerar a transição para emissão zero

Solução Eccaplan

A Eccaplan contribui de diversas formas com os objetivos da COP26, com relação à educação ambiental, neutralização de carbono, inovações sustentáveis para as empresas.

Com o programa Sou Resíduo Zero, promove boas práticas na promoção de um legado positivo às futuras gerações. Fazendo parte do Movimento Sou Resíduo Zero as empresas encaminham corretamente os seus resíduos, contribuindo com os trabalhadores da reciclagem e com o meio onde está inserida.

A elaboração de Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) mensurando e neutralizando os impactos ambientais das empresas no meio ambiente. Na Eccaplan desenvolvemos estratégias personalizadas para contribuir para o combate às mudanças climáticas.

Nossos selos: Co2 Neutro, Evento Neutro e Frete Neutro, incentivam a neutralização das emissões de carbono das Empresas Brasileiras aquecendo o Mercado de Carbono local.

Com nossos Projetos Sociais e Ambientais já foram 1.415.069 kg de CO₂eq compensados, 83 empresas, produtos e eventos neutralizados e 17 projetos ambientais apoiados.

Conheça nossos Projetos e contribua com a COP 26

Um resultado bem-sucedido da COP26 mitigará o risco climático, fornecerá às empresas  a certeza que elas desejam desesperadamente e abrirá novas oportunidades  para o crescimento verde.

Contribua você também para a COP26, entre em contato que criamos a solução ideal para sua Empresa.

Conteúdo:

Me Thays do Nascimento

Marketing Eccaplan

thays@eccaplan.com.br

Fontes:

Revista Exame acesso em 21/10/2021 <https://exame.com/inovacao/mercado-de-carbono-cop26-brasil-pode-gerar-100-bi/>

Um só planetal <https://umsoplaneta.globo.com/clima/noticia/2021/10/21/cop26-entenda-a-importancia-do-artigo-6-do-acordo-de-paris-para-a-regulamentacao-do-mercado-internacional-de-carbono.ghtml>

Poder 360 (https://www.poder360.com.br/meio-ambiente/cop-26-nao-deve-ter-acordo-sobre-mercado-de-carbono-diz-vice-do-ipcc/)

Acordo alemanha Amazônia Aquecimento Global Bicicleta Brasil Carbono Ciclovia Clima CO2 COP21 Desenvolvimento Sustentável Desmatamento Efeito Estufa Emissões Emissões de GEE Energia Energia Eólica energia limpa Energia Renovável Energia Solar GEE Iniciativa Inovação inventário de emissões Lixo Meio Ambiente Mobilidade Mudanças Climáticas Mundo neutralização de carbono Noticias Notícia ODS ONU Poluição Reciclagem Rio de Janeiro sustentabilidade São Paulo Tecnologia Telhado Verde Transporte Sustentável Água Árvores